jump to navigation

Os bastidores do Capital da Notícia outubro 8, 2009

Posted by Christiano Kubis in Uncategorized.
trackback

Este blog é resultado do cronograma da matéria de redação jornalística, do qual nós alunos de jornalismo da Faculdade Unibrasil, lidamos com dificuldades e aprendemos todas as etapas necessárias para a produção de textos jornalísticos.
Entre textos que visam descrever e rescontituir  situações em um espaço muito específico, como um cruzamento entre a Avenida Victor Ferreira do Amaral e a Rua Konrad Adenauer, –onde localiza-se a nossa faculdade – tivemos a oportunidade de nos auto avaliarmos. Foram reuniões de pauta, produção de reportagens, um balanço final sobre nosso desenvolvimento.

Dentre as dificuldades enfrentadas, houve o desinteresse de muitos dos alunos em lidar com um tema tão específico.  Porém a maioria acha que é um exercício válido como processo de produção jornalística. “Eu mesmo torcia o nariz ao escrever sobre um simples cruzamento de ruas do Tarumã, mas admito que agora sinto mais intimidade e até um carinho que me permite  encarar as proximidades da faculdade com outro olhar”.

Nós alunos tivemos que produzir dois textos, um descritivo e outro factual. O descritivo pretendia mostrar nosso olhar sobre a Victor Ferreira do Amaral e a Konrad Adenauer, com uma breve descrição mais focada na nova sinalização e no cruzamento das duas ruas.

O texto factual tinha o intuito de reconstituir algum fato no cruzamento e proximidades. “Tive dificuldade em entender que tipo de texto deveria produzir na matéria factual, e senti dificuldade em achar uma pauta”. Diz a aluna Cristiane Fortes, com um ar de revolta e emoções a flor da pele, com as dificuldades enfrentadas para conseguir um desempenho favorável na disciplina de redação jornalística.

O professor orientador Rafael Shoenner cita um fato curioso.”Existem muitas pessoas que lêem o nosso blog e não sabe que somos nós, da Unibrasil que escrevemos”. É muito comum nossos leitores acharem que são as instituições das quais tiramos uma quantidade significativa de entrevistas – Jockey Club club, Detran, e escolas  estão entre elas- que escrevem as matérias.

“Eu gostei muito de fazer a análise dos títulos e pude perceber o quanto podemos melhorar, acho que o assunto do qual trataremos é um detalhe, apesar de inicialmente a maioria de nós alunos  não nos empolgarmos em relatar o que acontece em um novo cruzamento de ruas no Tarumã, é importante sabermos que a produção de informação é uma realidade do mercado, e nem sempre escreveremos sobre assuntos que nos atraem totalmente”. Diz a aluna Marilaine Martins, que fez uma apresentação final após nossa cobertura, analisando os títulos das nossas matérias, e achou o balanço final do que nós escrevemos a etapa mais interessante da disciplina de redação.

Lidar com novas mídias como o blog é algo aparentemente normal para a maioria dos alunos, porém ainda é novidade para outros. “Eu senti dificuldade de lidar com as ferramentas do blog, porém eu acho que me superei”. Dia a aluna Cristiane Fortes.

O aluno Felipe Nassar, que trocou o curso de publicidade e propaganda pelo curso de jornalismo nesse semestre, achou a experiência nova, muito diferente da produção de textos publicitários. “Ahhhhhhhh eu senti algumas dificuldades, mas dá para levar”.

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: