jump to navigation

Sobram vagas de estacionamento em instituições de ensino na Zona Leste outubro 6, 2009

Posted by ricardocode in 4JOAD, Bairro Alto, Capão da Imbuia, Cotidiano, Ruas, Tarumã, Trabalho, Transporte.
trackback

Dentro de um raio de dois quilômetros a partir da Unibrasil existem aproximadamente cinco escolas, delas, apenas duas possuem estacionamento próprio. Devido ao intenso movimento de veículos que passam por essa região para chegar até o trabalho ou estudo, o cruzamento entre as ruas Konrad Adenauer e Victor Ferreira do Amaral foi alterado, visando um melhor fluxo nos horários de pico.

O Colégio Madalena Sofia tem espaço para cerca de 50 veículos, mas só a metade desse espaço é utilizada. A escola Paulo Leminski tem capacidade para comportar aproximadamente 60 veículos, entretanto, aparecem lá com freqüência algo em torno de 25 veículos somente.

O campus da Unibrasil possui um estacionamento com cerca de 2.500 vagas. Pela manhã, estima-se que apenas 500 delas sejam ocupadas, enquanto à noite o número triplica, chegando a 1500 vagas utilizadas.

No dia 22 de setembro aconteceu o Dia Mundial Sem Carro. Curitiba, que tem hoje média de 1,67 veículo por habitante, teve trechos centrais bloqueados em prol da campanha, 120 mil carros foram deixados na garagem neste dia.

Apesar do número extra de ônibus que foi colocado nas ruas, 100, no total, a rotina de muitas pessoas que vêm para a zona leste de Curitiba foi afetada, pois muitos passam diariamente pelo centro da capital. Gabriel Ferreira, estudante, conta que sempre que possível, vem de bicicleta para a faculdade. “Moro no Centro e em 15 minutos chego. Além de evitar trânsito, me mantenho saudável”, explica.

De 10 pessoas entrevistadas, que estudam nessa região, seis afirmaram vir de carro diariamente e três explicaram que precisam atravessar o centro para chegar. O campus da Unibrasil deixou de receber, aproximadamente, 100 veículos no Dia Mundial Sem Carro.

Veja mais:

Chuva antecipa liberação de ruas no Dia Sem Carro

Comentários»

1. cristinamueller - outubro 6, 2009

Hein!! É Adnauer ou Adenauer? Metade da turma está usando de um jeito e metade de outro?!!
BJ Cristina

2. ricardocode - outubro 6, 2009

Opa! Acho que é Adenauer, sendo assim, corrigido😛
Obrigadow!

3. aurosantos - outubro 8, 2009

Legal sua matéria Ricardo,mas no segundo parágrafo,para ser mais exato a última palavra da primeira frase não seria ultilizado ao invés de (ultilizada).OK

4. Ricardo - outubro 8, 2009

Acho que não, Aureta. O UTILIZADA se refere à METADE, e como metade é FEMININO, acho que o correto é assim mesmo…

se bem que existe uma grande discussão sobre isso, e de acordo com o Julian, qualquer um dos dois tá correto!

bjo na nuca!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: