jump to navigation

Pessoas trocam ônibus por carro setembro 28, 2009

Posted by jeanpaolo in 4JOAD, Moradores, Ruas, Transporte.
Tags:
trackback

A redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (I.P.I.), para os carros e motos chega ao fim nesta segunda-feira, 28/09. As vendas aumentaram cerca de 75% nas concessionárias de Curitiba, no período em que o imposto não estava sendo cobrado. “O sonho do primeiro carro ou a troca por um carro novo ficaram mais próximos das pessoas com a redução do imposto”, conta o vendedor Anderson Martins.

 

Mas também um dos fatores que motivaram as pessoas a comprar um carro ou uma moto e a facilidade e agilidade. Os moradores do bairro do Tarumã  sofrem diariamente com os problemas no trânsito, pois desde a implantação do novo cruzamento das ruas Konrad Adenauer e Avenida Victor Ferreira do Amaral, o trânsito nessa região ficou mais complicado. Principalmente para as pessoas que dependem de transporte coletivo, nos horários de maior movimento o trânsito chega a ficar completamente parado na região.

 

O aluno do curso de Direito da Unibrasil, Fernando Medeiros, 25 anos, morador do bairro Água Verde comprou um carro novo e economiza vários minutos no caminho até a faculdade. “Antes demorava quase uma hora de ônibus, agora no máximo 30 minutos”, conta Fernando. Ele comprou seu carro no mês de fevereiro, se fosse comprar agora sem a redução do I.P.I. pagaria dois mil reais a mais.

 

Com tempo economizado Fernando pode fazer trabalhos e estudar mais, mas ele não é o único a trocar ônibus por carro. A aluna de fisioterapia Rafaela de Oliveira, 21 anos, moradora do bairro Centenário também optou pela mudança e aproveitou a crise para comprar seu primeiro carro. “Já estava guardando dinheiro por um tempo, e agora que surgiu a oportunidade não podia deixar escapar” comenta Rafaela.

 

Fernando e Rafaela estudam no horário da noite, suas aulas começam às sete horas. Um horário em que o trânsito esta bem movimentado, com varias pessoas voltando do trabalho e indo para faculdades. Os dois estudantes economizam em média 30 minutos cada indo para a faculdade de carro do que se fossem de ônibus.

Anúncios

Comentários»

1. rodrigoapx - setembro 29, 2009

O texto está bom… precisa ver a pontuação, além de corrigir o “28/09” no começo da matéria lá (de acordo com ‘MARQUES, Hélio’ não é assim que se escrevem datas).

2. Professor - outubro 1, 2009

IPI e não I.P.I.
pode deixar apenas segunda-feira (28), uma vez que o mês está informado no topo do post.
O vendedor trabalha em concessionário da Zona Leste ou não? Informar.
concordância: Mas também um dos fatores que motivaram as pessoas a comprar um carro ou uma moto e a facilidade e agilidade
não há como dizer que foi o novo cruzamento que deixou o trânsito pior, isso é opinião/pitaco.
qual o carro que eles compraram? Detalhes = veracidade.

3. Professor - outubro 1, 2009

Que pessoas são essas do título? Estudantes, não? É mais preciso.

4. cristinamueller - outubro 6, 2009

Que interessante, a Karine colocou o título “trocam carro por ônibus”…rs… vc não deve ter achado interessante, mas achei que já tinha lido o texto e então vi que não era da mesma pessoa…bjs, Cristina.
PS.curti o texto


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: