jump to navigation

Escolas da Zona Leste convivem com falta de segurança setembro 28, 2009

Posted by rodrigoapx in 4JOAD, Bairro Alto, Segurança, Tarumã.
Tags: , ,
trackback

Algumas instituições de ensino do Bairro Alto e do Tarumã não possuem sistema de vigilância. A reportagem esteve em três escolas e em uma faculdade da região, e constatou que se pode circular no interior de alguns destes lugares sem fornecer nenhuma identificação.

O Colégio Estadual Cecília Meireles, localizado no Bairro Alto, ocupa a área de uma quadra inteira. No entanto, é protegido apenas pelo muro e por um portão, no local de acesso principal. O Colégio Madalena Sofia, também no Bairro Alto, possui uma guarita em sua entrada. Mas nossa equipe pôde entrar e circular livremente no local, sem sofrer nenhum tipo de abordagem.

Dentro da guarita, um funcionário, sentado. Estava de cabeça baixa quando chegamos.  Questionado sobre a falta de fiscalização na entrada e saída de veículos no colégio, justificou. “Não tem muito perigo, por aqui só passam pais e crianças”.

Nas instituições do Tarumã, a segurança é um pouco maior. O Colégio Estadual Paulo Leminski é cercado por muros e possui uma grande guarita no local de entrada dos alunos, mas não possui vigilância em todos os pontos que circundam o local.

A Faculdade Unibrasil possui guaritas com funcionários em todos os pontos de entrada e saída. Além disso, há a presença de câmeras de segurança em diversos locais de todos os blocos.  “Perdemos um pouco de privacidade, mas vale a pena, já que temos muito mais segurança”, diz a aluna Aline Koraleski, que está no primeiro ano do curso de design.

Veja mais:

Falta segurança em praças do bairro do bairro Tarumã

Comentários»

1. artedocinema - setembro 30, 2009

Olá,
não entendi a reportagem e nossa equipe, é feito em grupo??
Att.
Karilene.

2. rodrigoapx - setembro 30, 2009

Na hora estava de carro, com outro repórter aqui do blog; achei que seria “injusto” omitir que não estava sozinho, já que, sem a carona, não teria conseguido ir atrás de conteúdo para a matéria.

Rodrigo

3. Professor - outubro 1, 2009

ok Rodrigo, precisa apenas reduzir ainda mais as linhas que ficam na primeira página. Dá para deixar apenas o primeiro parágrafo. Adicionar alguma frase no início que relacione teu texto ao restante da cobertura (cruzamento/desenvolvimento recente dessa região da cidade, em hipótese).

4. Professor - outubro 1, 2009

Zona Leste em maiúsculas no título.

5. MarciaStoppa - outubro 2, 2009

Boa matéria!Pena que essa realidade esteja tão próxima de nós.

6. cristinamueller - outubro 6, 2009

Curti o título!!! Estou precisando de um novo para o meu…tem sugestão? Cristina Mueller


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: