jump to navigation

Hipermercado é a mais nova obra no bairro Tarumã junho 30, 2009

Posted by wanderloyola in Comércio, Economia, Ruas, Tarumã.
Tags: , ,
trackback

Logo na entrada da obra a placa anuncia, faltam 22 dias para a inauguração. Este é o primeiro hipermercado  do bairro e fará concorrência a um famoso e tradicional supermercado de Curitiba, localizado na mesma avenida. O empreendimento está   instalado numa região privilegiada, às margens da Linha Verde, esquina da av. Victor Ferreira do Amaral com o viaduto da BR 116 ( Viaduto do Tarumã ). A loja será a terceira da capital paranaense  e a 27º da rede  que está presente em 11 cidades do estado e no interior de São Paulo.

De acordo com Marcos Silva, coordenador da obra, a construção teve início há oito meses e sua conclusão está  prevista para o mês de julho próximo, conta com um efetivo aproximado de 260 trabalhadores entre operários, engenheiros e serviços gerais. O hiper vai ter uma área total de 26.000 m², um estacionamento coberto com 1000 vagas rotativas e um centro comercial com cerca de 30 lojas. O custo está estimado em R$ 23 milhões, 70% sairão do caixa da empresa e outros 30% por meio de linhas de financiamento para compras de equipamentos.

Segundo Patrícia Cristina, da assessoria de imprensa do Super Muffato, depois de funcionar, a unidade deverá gerar 500 empregos diretos, além de contribuir para o aquecimento da economia local. O hipermercado deve atrair um público diário de 25 mil pessoas. O aposentado Euclides Bordin diz que ter essa opção perto de casa “facilita porque em vez de ir de carro vou a pé para o mercado, assim  poupo o trânsito, é um a menos”, brinca.

A Avenida Victor Ferreira do Amaral tem um tráfego intenso, é o principal acesso ao município de Pinhais – Curitiba, vice e versa. Para quem trafega pela BR 116 nos dois sentidos da pista e tem como destino o bairro Tarumã e regiões próximas, como Alto  da XV ou Capão da Imbuia, ou ainda, para quem vem de São Paulo sentido Curitiba-centro, o ponto é a principal opção de passagem.

Como mercados são locais de grande fluxo de pessoas, o trânsito para quem vem a pé gera preocupação. A moradora do Tarumã, Margareth Menezes, 42, afirma: “não me sinto segura, terá que ser implantado uma sinalização mais intensa neste ponto da região, porque a disputa com os carros é desleal”.

Às margens do viaduto da BR com a Victor, onde está localizada a loja, concentra-se um dos pontos cruciais do tráfego na região. Quanto aos veículos há sinalização de semáforos e rotatória, já para os pedestres  “não haverá mudanças na malha viária em relação a sinalização”, afirma Marcos. “Os estudos serão feitos após o funcionamento do hiper, se houver necessidade, o Departamento de Trânsito e o Instituto de Planejamento e Pesquisa Urbano de Curitiba ( IPPUC ) irão se manifestar”.

Wanderli Loyola e Marcus Tissot

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: