jump to navigation

Alunos mostram o que aprenderam durante o ano dezembro 4, 2008

Posted by mandryk in Bairro Alto, Educação.
Tags: , ,
trackback

No dia 29 de novembro, o Centro de Educação Integral (CEI) Curitiba ano 300 realizou sua primeira edição da Feira do Conhecimento. A escola, que fica na Rua Jornalista Alceu Chichorro, próxima ao terminal do Bairro Alto, já havia realizado outras demonstrações, contudo utilizando outros nomes. Essa feira, que foi inserida no calendário de todas as escolas municipais neste ano, contou com a participação de alunos, pais e professores. Nesse tipo de atividade, os principais elementos abordados passam pela criatividade, desenvolvimento da oralidade e da responsabilidade das crianças, que levam os conhecimentos para a vida pessoal e escolar.

Espaço "jogos matemáticos" foi um dos mais visitados da feira

Espaço Jogos Matemáticos foi um dos mais visitados da Feira do Conhecimento.

A Feira do Conhecimento do CEI foi elaborada a partir dos temas considerados mais significativos dos que foram trabalhados com os alunos durante todo o ano. As professoras da 3ª série, Solange Fernandes e Sueli Ribeiro, optaram por trabalhar jogos matemáticos. Elas pesquisaram alguns jogos, descobriram as origens, como eram jogados, suas regras, e trouxeram para os alunos. Eles prontamente absorveram e construíram alguns dos jogos em sala de aula.

O aluno e monitor de turma Guilherme Mariano aprovou o sistema utilizado. “A gente ensina as pessoas a jogar e a confeccionar os jogos. Como no jogo dos palitos, que é o que eu mais gosto. O visitante escolhe se quer fazer ou jogar com os palitos que já estão prontos”. Jogos tradicionais, como o xadrez, também foram apresentados. João Gabriel Muraski, aluno da 3ª série, foi o primeiro aluno a chegar à escola para a Feira. “Eu estava bem ansioso por esse dia”. Ele participou da preparação do evento ajudando a decorar as salas e a confeccionar jogos matemáticos.

A professora Gisele Fátima Ferreira, que trabalhou o tema “animais anfíbios”, mostrou-se feliz com o resultado apresentado. “A gente viu a criatividade das crianças através do trabalho com sucatas, trabalhos que foram enviados pra casa, com acompanhamento dos pais. Foi uma atividade muito válida para todos nós”.

Ao final da Feira, como não podia deixar de ser, havia muita bagunça e sujeira espalhada por todo CEI. Isso não foi motivo de desânimo para Rosenéia Aparecida de Oliveira, responsável pela limpeza da escola há quatro meses. “É gratificante, é gostoso de ver essa alegria das crianças, ver a apresentação deles. Estão se desenvolvendo”.

Nessa edição da Feira do Conhecimento houve mostras sobre répteis, aves, animais mamíferos e aquáticos, cultura e arte indígena e rupestre, projeto água, jogos matemáticos e oficina de brinquedos produzidos com sucata.

Repórter Fábio Mandryk

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: