jump to navigation

Esperar ônibus na chuva ainda é rotina no Bairro Alto novembro 2, 2008

Posted by mandryk in Bairro Alto, Cidadania, Cotidiano, Transporte.
Tags: , , ,
trackback

Cobertura somente de um lado da rua prejudica usuários em dias de forte sol ou chuva

Cobertura em apenas um lado da rua prejudica usuários em dias de chuva.

Moradores do Bairro Alto que utilizam a linha de ônibus Sacre Couer têm bons motivos para não gostar de chuva. Além da demora da chegada do coletivo, com intervalos médios de 35 minutos, 11 das 25 paradas do ônibus dentro dos limites do bairro não têm cobertura. Essa é a linha com maior número de pontos descobertos do grande Bairro Alto, conforme levantamento feito pela reportagam no mês de outubro.

Desde 2003 a prefeitura de Curitiba remodela as paradas de ônibus para modernizar o design e melhorar a funcionalidade. Uma empresa americana foi contratada e iniciou a substituição dos pontos, que passaram a ter iluminação noturna e indicar o endereço da estação. Manoel Coelho foi o arquiteto escolhido para desenhar o modelo utilizado. Contudo, um grande número de paradas de coletivos ainda sequer tem cobertura simples. A falta de “casinhas” nos pontos fica evidente ao nos afastarmos do centro da cidade.

Cobertura em apenas um lado da rua deixa usuários na chuva.Uma cena comum de observar nas linhas que servem o Bairro Alto são paradas cobertas somente de um lado da rua.A moradora Eliane Aparecida da Costa utiliza a linha Bairro Alto/Santa Cândida diariamente. No ponto onde ela espera o ônibus, acompanhada do filho de oito meses que leva no colo, somente há cobertura na parada do sentido contrário da linha. “Quando está chovendo forte eu fico no ponto do outro lado da rua. Daí eu atravesso correndo quando o Bairro Alto (Sta Cândida) vem. Nessa hora torço pra não vir carros, senão arrisco perder o ônibus”, reclama a usuária.

Um funcionário da URBS, que preferiu não se identificar afirma que a prioridade de colocação das coberturas nas paradas realmente é dada aos pontos sentido bairro-centro. “A explicação dada pela URBS quando fiz o treinamento, além da economia, é que o usuário precisa mesmo de proteção para ir trabalhar. Quando ele volta para casa pode se molhar, afinal chegando em casa logo tomará um banho quente”.

Das linhas que atendem o terminal do Bairro Alto, apenas cinco (incluindo a linha direta Bairro Alto/Sta Felicidade) têm 100% das paradas cobertas nos dois sentidos. As linhas e quantidades de pontos “desabrigados” dentro dos limites do bairro são respectivamente as seguintes: Sacre Couer (11), Alto Tarumã (6), B. Alto/Sta Cândida e B. Alto/Maracanã (5), Higienópolis (4) e B. Alto/Boa Vista (2). As vias “campeãs” em paradas desabrigadas são a Rua Coronel Domingos Soares e a BR 476, com 3 paradas descobertas cada uma.

Repórter Fábio Mandryk (texto e foto)

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: